Curso de formação cuidados humanos básicos da pessoa idosa - Vila Nova de Gaia

Quarta-feira, 16 Maio 2018

Detalhes do anúncio

Cidade: Vila Nova de Gaia, Porto
Operação: Oferecido
Preço: € 90

Contato

Nome Alexandre Oliveira
Número de telefone 220965669

Detalhes da publicação

INSCRIÇÕES ABERTAS
Entidade Formadora Certificada pela DGERT
Certificado pela ANG - Associação Nacional de Gerontólogos
1.Cognos Formação e Desenvolvimento Pessoal
Site: www.cognos.pt
Telefone: 220965669 ou 910415337
Em qualquer parte em formato e-Learning
2. OBJETIVOS
Compreensão da importância dos cuidados humanos básicos com a pessoa idosa e aplicação dos procedimentos relativos:
a) à nutrição entérica e parentérica da pessoa idosa;
b) à higiene da pessoa idosa, nomeadamente os dependentes ou parcialmente dependentes.
3. PLANO CURRICULAR
Módulo 1 - ALIMENTAÇÃO DA PESSOA IDOSA (8 horas
a) Alimentação – princípios gerais
b) Nutrição entérica
c) Nutrição parentérica – procedimentos e cuidados a ter em conta
d) Problemas comuns em pessoas parcialmente dependentes
Módulo 2 - HIGIENE DA PESSOA IDOSA (8 Horas
a) Princípios e cuidados gerais
b) O banho no leito – procedimentos e cuidados a ter em conta
4. CERTIFICADO
No final da formação os formandos aprovados receberão 2 Certificados:
•Certificado emitido pela Cognos, que descreve detalhadamente os objetivos gerais, área de formação, conhecimentos e competências adquiridas, plano curricular, avaliação obtida e metodologia de avaliação;
•Certificado de Formação Profissional emitido através da plataforma SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa) coordenado pelo GEPE-Ministério da Educação e Ciência, tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho.
O Certificado de Formação Profissional é emitido sempre que os formandos atinjam uma classificação final igual ou superior a 10,00 valores. A emissão é realizada através da plataforma SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa) coordenado pelo GEPE-Ministério da Educação e Ciência, tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho.